terça-feira, 20 de setembro de 2016

Aquilo.

Aquele calor da pele.
Um fluir interno surge.
Aquele olhar risonho.
Aquele pensar estranho.
Aquela racionalidade que se vai.
Aquele palpitar que não sai.
Aquela espera do que pode acontecer daqui a alguns segundos.
Aquilo.
Você sabe.
Sobre isso.

Sentimentos.
Emoções.

Aquele calor da pele.



Amei

Eu já amei.

Sim, amei.

Amei por momentos, amei por dias, amei por meses, amei por anos.

Sim, eu amei.

Amei sorrisos, amei a saudade que eu sentia dos sorrisos, amei abraços, amei viver expectativas, amei amar, amei os cheiros, amei os beijos, a pele, o silêncio...

Sim, eu amei.

Amei com medo, amei com liberdade, amei impossibilidades.

Sim, eu amei.

Amei gente, amei bicho, amei amigo... amei...

Fui levada, levei, fui enganada, acreditei, quis acreditar, não acreditei, quis ir embora, fiquei, fui embora, voltei, tinha que ficar calada, falei, tinha que falar, calei...

Sim, eu amei. Amei. Amei.



terça-feira, 30 de agosto de 2016

Ela

Às vezes paro a observar a respiração dela. Seus barulhos. Em pé parada na porta de seus aposentos apenas observo.
Sinto-me agraciada por tamanha oportunidade. Vê-la.
Sei que um dia meus olhos não poderão contempla-la.
Sei que tudo passa, inclusive nós, que mesmo sendo eternos, espíritos andantes, peregrinando, ainda assim não mais nos veremos nessa terra. 
Então observo.
Mãe bela.
Ela. 

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Aretha Franklin - I Say A Little Prayer ( Que sua noite seja leve! )

Círculo.

É que a vida espreme.
Sim.
Aperta.
Sim, há afrontas.
Sim, há dificuldades.
Muitas.
Muitas.
É que a vida é círculo.
Repete.
Só aumenta o grau das coisas.
Aumenta.
Mas a vida é círuclo.
Recomeça.
Reinicia.
Então tem que entrar no rumo.
Tem que ir em frente.
Tem que passar pela afronta.
Pela dificuldade.
Pela dor.
Tem que viver.
Não pode fugir.
Fugir é fácil mas não acaba com nada.
Continua girando.
Continua indo.
COntinua acontecendo.
Então... melhor passar, enfrentar, olhar na cara de toda essa coisa,
crescer com ela.
Aí você passa.
Passa de fase.
Continua no círculo.
Vem outra fase.
Vem outra coisa.
Vem outro salto.
Vem outro reinicio.
Assim.
Círculo.



terça-feira, 23 de agosto de 2016

Controle

São tantas vozes que assusta.

Dentro tem gente.

Tem gente que mora dentro.

Essa gente é nervosa...
Gente que tensiona...

Se você controla essa gente você controla a boca.
Se controla a boca controla a palavra.
Se controla a palavra controla o corpo.
Se controla o corpo controla as ações.
Se controla as ações evita os problemas.

Tem que dominar essa gente.
Gente emocionada.
Gente que sofre, chora, grita.
Tem que segurar essa gente e emudecer a emoção descontrolada.
Mostrar que as coisas têm o tamanho que a gente dá.

Aí se enxerga direito.
Enxerga-se as claras.
Então tudo passa.

Então controla!



quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Você

Queira saber quem você é.
De verdade.
Queira se ouvir.
Converse com você.
Você merece ser pleno.

Pense no que está pensando.
Pense no que está desejando.
Pense no que está retendo.
Pense no que está dentro.

Conheça a si mesmo.
Veja se o que quer não é mau.
Não é pesado, ou mesmo sem sentido.
Avalie.
Pare de falar pelos cotovelos e silencie um pouco.
Fale consigo.
Ouça sua voz.
Veja o que você está falando.
O que realmente está precisando.

Cuide-se.


sexta-feira, 29 de julho de 2016

Hoje

Hoje acordei com vontade de proferir boas e sinceras palavras aos meus... então:
Um bom dia!
Sintam-se amados e cuidados por Deus.
Você está vivo e tudo pode acontecer.
As dificuldades existem e sempre vão existir.
Não tenha pena de si mesmo.
A vida exige coragem.
Comece quantas vezes forem necessárias.
Escute mais o seu interior.
Tenha paciência e na hora certa tenha ousadia.
Vá quando tiver que ir.
Não tenha medo de tomar as atitudes que lhe são corretas.
Se afaste daquilo e daqueles que lhe fazem mal, seja o mal que for.
Respeite as diferenças de verdade. Não tente impor nada a ninguém. Nada pode ser por força.
Mas acima de tudo tenha fé, faça o bem e não espere retorno. Se receber: que bom!
A lei da colheita aconteceu, se não receber, o maior pagamento já aconteceu: você foi você.
Coisas boas esperam quem as espera e encontram-se no ponto certo.



quinta-feira, 28 de julho de 2016

Gratidão

Ser grato é um príncipio divino.
A gratidão pertence ao coração que reconhece as dádivas que vivencia.
Inclusive as que não vivencia.

Existem coisas que nunca viveremos.
Coisas que nunca receberemos.
Coisas que não podem ser nossas.
Não por nossos desejos, mas porque seu fim seria trágico.
Seria mau.
Seria tudo o que não desejamos.

Gratidão inclui entender que tudo que não acontece também é o melhor,
que tudo tem seu tempo,
que tudo tem seu propósito,
que tudo tem uma história.

Gratidão faz da vida algo mais leve,
algo melhor,
algo mais profundo,mais esperançoso,
algo maior.

A gratidão libera tudo e todos.

Seja grato, e cada vez que você agradecer,
ouvirá palavras internas trazendo à memória outros motivos para agradecer novamente,
e novamente,
e novamente.

Seja grato.





domingo, 24 de julho de 2016

Amanhã

Amanhã será um novo dia.
Não sei o que virá.
Ninguém sabe.

O desconhecido nos aguarda e mediante a essa falta de domínio sobre a vida,
segue-se crendo nas melhores coisas.
E se elas não vierem, segue-se crendo em melhores dias.
E se não vierem, segue-se crendo.
Porque crer no melhor é melhor que desistir,
é melhor que lamentar,
é melhor que reclamar,
é melhor que remoer,
é melhor que sofrer.

Crer estabelece esperança na alma e faz dos dias um lugar muito melhor.
Siga crendo.




Não sou seu reflexo

Nós somos o que acreditamos, não somos obrigados aresponder ou agir em resposta ao outro da mesma maneira.

A sua ação não interfere na minha ação.

Não sou seu Reflexo, minha ação reflete o que eu creio.



terça-feira, 12 de julho de 2016

Sorri pra ele...

Vi o sorriso de um homem de meia idade em um filme.
Não sei que termo é esse que usa-se acerca da meia idade...
Metade de que idade estipulada para que seja meia?

Sim,
eu vi o sorriso de um homem,
assim com sua bela barba,
sua grisalhisse a todo vapor,
seu pomposo bigode,
e uma meninice tão forte que esbanjava-lhe vida por todos os cantos,
todos os poros,
todo som que de sua boca bravejava.

Vi a vida tão forte através dele e suas sensações das descobertas que vinham sobre sua vida.
As novidades que nunca param.
O aprendizado que nunca cessa.
O renovo que cada idade traz.
Os prazeres mais reais do que nunca.
A consciência aflorada.

Que beleza...

Eu vi o sorriso de um homem de meia idade em um filme...
E sorri pra ele...


domingo, 10 de julho de 2016

Tão nobre

Se as pessoas parassem de falar e fizessem o que falam tudo seria bem diferente na vida delas e no mundo que as rodeia.

Parar de falar de amor e amar mais.

Parar de falar dos outros e respeitar.

Parar de mentir para agradar ou inventar assuntos que não têm só para não ficar em silêncio.

Seria tão bom...

Se parassem de ser o que não são.

Parassem de fingir.

Se não tivessem o que falar, ficassem caladas.

Se não gostassem de algo, mostrassem.

Se não desejassem a amizade de alguém, simplesmente não fingissem querer, simplesmente não falassem pelas costas por não gostarem do outro.

Se falassem em gentileza e fossem gentis. Cedessem o lugar no ônibus. Pedissem desculpas. Com licença, obrigado, obrigada.

Fizessem com os outros aquilo que desejam receber...

Ah seria tão bom...

Se falassem em fidelidade e parassem de cobiçar o homem dos outros ou a mulher que não é sua.

Se falassem menos e fossem mais... ah isso seria tão belo.

Tão nobre.

Tão honesto.

Parariam de falar:
- Eu não sei como você consegue...

Simplesmente conseguiriam.

Se quisessem.


terça-feira, 28 de junho de 2016

Sem arrependimentos.

Olho para as coisas,
as pessoas,
os sorrisos,
o tempo.
Percebo assim como que com um clarão a brilhar sobre elas,
as intenções,
a realidade,
os propósitos,
as mentiras.
É como estar em si e fora,
acredito que seja visão da emoção dominada e a consciência ampliada.
Olho tudo,
ouço,
tudo passa.
É tudo assim tão rápido que não vale a pena perder a vida no supérfluo do ser.
Naquelas risadas sem graça,
naquele fingimento social,
naquele discurso não praticado,
naquele olhar mortal.
Não vale.
Não vale.
Não vale a pena viver a convenção.
Não vale a pena ser parte de um todo em que não se acredita.
Não vale.
Passa rápido.
Voa.
A vida.
O tempo.
Vale ser você mesmo.
Isso vale.
Sem arrependimentos.



terça-feira, 21 de junho de 2016

Você com você

Se você não se der bem com você como fará?

Você precisa saber o que acontece com você.

Precisa se dar bem com você.

Você conviverá com você o resto de sua vida.

Então... conheça a si mesmo e conviva bem.



Seja você mesmo.

Seja você mesmo.
Isso deixará sua consciência tranquila.
Se algo está pesando, ou trazendo desequilibrio, avalie.
Olhe onde errou, onde não foi você mesmo.Olhe em que momento você violentou sua alma com atitudes que não condizem com quem você é. Seja por motivo que for.
Reordene-se. Perdoe-se. Conserte-se e siga.
Seja você mesmo.
Seja livre.



domingo, 22 de maio de 2016

Minhas Marcas

O que eu espero da vida?
Espero vivê-la.
Da forma que for se desvendando em minha frente.
Espero seguir em frente.
Espero não esperar.
O que eu espero da vida?
Vivê-la até a morte como todos farão.
Espero vivê-la de todo o coração.
E espalhar o que há dentro à todos por onde andar,
à todos que eu alcançar,
espalhar minha fé à todos que vierem a mim.
Porque essas serão minhas marcas.
Nos corações.
Nas almas.

Minhas marcas.


quarta-feira, 11 de maio de 2016

Posições

A vida impõe posições.
Seu corpo impõe também... Ou ele implode.
Chega o tempo em que não podemos mais fazer a social, convivermos com pessoas e coisas que nos violentam em quem somos.
Chega o tempo do fim.
E o fim é um novo começo.

De #andreiaquintao @andquintao 
#comeco #fim #vida #paz #tchau #vai #acabou #avidafazisso #posicionamento #interior #saidisso #mudou #mudoutudo

sábado, 2 de abril de 2016

Espero.

Que a capacidade de sonhar aquela felicidade boba um dia volte..

Sim,

Aaconteceu que um cristal foi sendo quebrado durante muito tempo...

E cada caco quebrado e restaurado foi sendo quebrado novamente.

Com força quebrado.

Agora tem caco espalhado pra todo lado.

Concha

Nem sei se a capacidade de abrir o 'peito' ainda existe como antes.
A capacidade de abrir as palavras sobre o 'peito' se foram.

O caminho causa tantas mudanças...
Tantas dores, tanto desapontamento que chega um tempo que a concha fecha
e o brilho fica reluzindo dentro,
quieto,
aconchegado,
com medo profundo de ser novamente perdido ou roubado.

Conchas feridas ficam escondidas no mar.




Pessoas



Algumas pessoas preferem doer do que sorrir.

Cuidado

Tenha cuidado nesse mundo estranho.
Nem tudo se fala,
conta,
exibe,
compartilha.
Nem tudo.
nem tudo.

Tome cuidado nesse mundo esquisito.
Nem todo mundo é o que diz ser.
Aliás, quase ninguém é.
As pessoas normalmente são a representação do que elas gostariam de ser.
Ou sei lá o quê.

Vigie com a alma,
que reconhece tudo e instintivamente te mostra,
em quem confiar,
com que falar,
o que falar,
e tudo o mais enfim.

Confie no que está dentro.
O que está fora não é nada.


segunda-feira, 28 de março de 2016

Peteleco.

Ando tão sensível que um peteleco faz um furo.

Deus me livre dos petelecos.

Deus me livre dos furos.




Sorrir

Já chorei tão largo e tão profundo que com isso aprendi e entendi que os sorrisos mais largos,
as pessoas mais gratas,
as que mais silenciam,
mais perdoam,
as que sofrem e sofrem em silêncio,
caladas,
essas que sorriem assim,
como se nada sofressem,
essas são as que mais doeram,
e com a dor,
aprenderam que mais valem a pena os dias bons.
Por isso sorriem.

Aprendi que para cada dia bom valem muitos sorrisos,
muitas orações,
muitos pensamentos esperançosos,
muito agradecimento,
muita gratidão,
muito amor,
muita fé,
muita consciência porque para os dias maus,
também vale agradecer.

Porque quem sorri sabe que tudo passa.

Tudo que começa termina.

Todo dia finda.

E mais vale a pena mesmo já tendo soluçado tanto,
mais vale a pena ter sorrido.
Ter escolhido viver o melhor,
guardar o precioso dentro baú que ninguém pode roubar,
aceitar o que é real e crer nos impossíveis possíveis que sempre podem acontecer.
Que sempre podem surpreender.
Que sempre podem existir a partir de dentro de você.

Mais vale o sorriso.

Porque sempre, tudo passa.
Tudo é breve.
A vida é breve.
Então precisa assumir o fardo leve.






terça-feira, 22 de março de 2016

Fragmento Falado do Texto ACASO (2016)

video



Re...


Dias cinzas

Mantenha a esperança.
Dizem que se não esperar nada não se decepciona, mas se você espera um dia melhor, uma grande vitória, um grande amor, oportunidades novas... Se você espera algo, mesmo que não aconteça, você passou dias alegres, esperançosos, cheios de fé e vida.
Muito melhor do que ter todos os dias cinzas.


domingo, 20 de março de 2016

nada

Se fosse uma daquelas paredes,
insensíveis que nada entende,
ah... seria fácil escrever o quer .
Seria como outra língua pra tal leitor... se é que me entende.

Mas é sensível e sabe,
Se é que entende o que sabe...
e lê, mesmo que não vá no fundo das coisas,
pelo menos vai...

Então nada de expor nada,
nada de poema,
de palavra,
nada,
nem vai mais assim a palavra.

Nada de expor nada.
Nada de mostrar nada.

Nada de entender através da tela.
A vida é bela,
pra sentir na cara!
Na pele a bofetada!
Nada de indiretas rimadas.





Acaso

Que esse acaso que não é acaso,
de fato,
que me encontre,
com ele eu trombe,
esbarre,
soque,
bata,
que ele me ache,
o tal,
de fato.

Que esse tal acaso que de acaso não tem nada,
esteja por acaso no meu passo.

Que esse tal acaso se encaixe no acaso que comigo trago.





Outuno Autumn.

Tem uma magia diferente...
Queria ver mais desses campos laranjas na minha frente...

Queria ver mais desse mar de folhas caindo,
mas em meio a tanto asfalto e tão pouco verde,
tão pouco mato... quase nada cai laranja,
quase nada fotografo.

Queria ver voar como nos filmes,
aquele leve vento,
que levanta a poeira poética,
que levanta as folhas no campo,
que vida já tiveram no tronco,
no galho,
agora viraram atalho para memória afetica que nos inunda na imagem.

Outono.
Autumn.
Outono mágico.


sexta-feira, 18 de março de 2016


Faz mal

Não quero falar como foi meu dia. Nem o que comi, vesti ou onde fui. Se fui ou não fui. Se quero ir ou não.

Não quero dividir o que não deve ser dividido, o que deve ser sentido, o que deve ser guardado, cuidado, amado, e no silêncio do amor achado, quero sorrir o fato de ser segredo não contado, só visto e reconhecido no ato por quem viu.

Nem tudo é assim pra ser publicado. Existe uma vida a ser vivida e não contada.

Uma vida que não deve ter influências de teclas. De nada.
Não deve.
Faz mal.


sábado, 12 de março de 2016

As coisas simples são as mais belas.


As pessoas sinceras são as mais nobres.


As corajosas as que mais vivem a plenitude do que sonham...


Normalidade

Quem dita a minha moda? 

Quem surfa na minha onda?


Quem estabelece as cores que visto?


Quem pode escolher o que somente eu posso gostar?


A normalidade é praticar o que se é!


Quem fixou o meu tempo nos meus números?

Minha é a eternidade...

Vivo na plenitude... na totalidade da entrega... na cadência, na regência do ser.



quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Nova aualização no diário de Leitura

http://foradacena.blogspot.com.br/p/diario-de-leitura.html

Tempo.

Chega um tempo que você tem que tirar toda a casca.
Tem que sair tudo que é superfluo.
Tem que sair.

Chega um tempo que tudo vira besteira e você percebe que perdeu boa parte do tempo
com coisas inúteis.

Chega um tempo que o tempo é algo que ninguém consegue mais ver.
Ele é aquele tempo que voa.
É "voante" ele.

Chega um tempo que não temos tempo pra tantas perdas,
então não doamos nosso tempo para coisas que são somente coisas...
porque na maioria do tempo as coisas não têm importância verdadeira.




quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Ia

E na carona da bicicleta na chuva andava.

Ela sorria.

Pro céu que respingava olhava.

Somente sorria.

Na chuva ia.


Brilhando

A vida me eninou coisas tão tremendas.
Digo a vida.
Deus.
Tempo.

Me ensinou algo que corta todas as imagens com radiantes e brilhantes dos dentes sorridentes,
representando esse tal ensinamento que cumpri tudo dentro e traz pra fora essa luz.

Me ensinou a ser feliz.

Sim.

A felicidade sempre habitou minha alma.
Sempre dominou meus dias,
mesmo quando paredes descascavam,
mesmo quando o não se repetia,
mesmo quando a dor chegava,
mesmo quando solução não conhecia.

A capacidade de renovo e autorecuperação que a felicidade, o amor e a fé causam são o sustento da própria vida.

A vida me ensinou enquanto eu esperava a lição.
Me ensinou enquanto eu não tinha o que queria.
Me ensinou que tudo que eu tinha era tudo que eu queria mesmo quando não via.

A vida me ensinou a brilhar.
Mesmo quando aparentemente brilhava sozinha.

Brilhava tanto e não assumia que essa grande felicidade já existia.
Sempre existiu e nunca,
nunca em toda a vida foi sozinha.





sábado, 23 de janeiro de 2016

às vezes é melhor não esperar nada

morte

é que a pele muda com o tempo

tem as rugas

mas as rugas não são nada com o tempo

a pele perde o tal brilho

fica tão diferente

os cabelos parecem perder seus mutrientes de hidratação

muda

muda tudo

tudo muda

morre um pouco

a cada dia

pra aquele dia

morrer todo

pelo menos à nossa vista

sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Vislumbre

Parei de olhar o que me machuca.
Sim, quando noto que a fagulha insiste em incendiar, me afasto, desvio, arquivo...
É autodefesa sim, mas precisamos defender a nós mesmos dos inimigos conhecidos.

Sim, eu sei que não dá pra "desacontecer" o acontecido. Eu sei que não podemos tirar a expectativa que temos sem querer ter. Não podemos mudar o inesperado, mas podemos olhar para outro lado.
Avistar a parte boa.
Esperar outras coisas.
Vislumbrar outras histórias.


De:#andreiaquintao @andquintao 
Blog: www.foradacena.blogspot.com

#novashistorias #pensamentos #prosa #blogforadacena #alma #Deus #confianca #crescer #esperar #esperanca #soul #expectativas #outraspossibilidades #possibilidades #fe #defesa #inimigos #visao

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

Aprenda a esquecer.

Não queira o que não deu certo.
Não fique remoendo e alimentando aquiloque faz mal.
Tudo que é alimentado sobrevive.
Deixe de alimentar mágoas, lembranças dolorosas, medos e eles morrerão.
Pare de querer viver aquilo que não deve ser vivido.
Aprenda a esquecer.


Sobre a morte

Quando a vida me invade,
com aquela força estranha que não posso em palavras explicar,
a morte também se faz presente no pensar.

Parece um tanto mórbido, mas não.
A morte é real e saber disso é tão forte que facilita o viver.
Descomplica.

Quem vive como se nunca fosse morrer não aproveita os seus dias como deve.

Uma vez o profeta disse sobre tolice,
sobre vaidade,
sobre desperdício,
é tudo verdade.
foi Salomão.
Lembro de seu livro que já degustei muitas vezes.

Tudo passa.
Passa mesmo.
Voa.
Finda.
E quem tem proximidade com essa realidade entende o quanto devemos nos aprofundar na vida.
Na valorização dos dias,
no cuidado,
no amor,
no trato.




terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Não

Dizer não é tão ou mais importante que dizer sim.
É mais difícil porém mais definidor e fortalecedor.
Dizer não normalmente é o Sim para uma outra vida.



domingo, 29 de novembro de 2015

Siga!

Sim,
há um sorriso aconchegante.
Mãos aveludadas,
toques inebriantes.

Sim,
há momentos novos,
outros caminhos,
outras coisas...

Siga em frente.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...